“O Amor tem múltiplas cores, Respeito é uma delas.

“A pedra que atiramos no próximo talvez não volte sobre nós em forma de pedra, mas permanece conosco na figura de sofrimento. E, enquanto não se remove a causa da angústia, os efeitos dela perduram sempre, tanto quanto não se extingue a moléstia, em definitivo, se não a eliminamos na origem do mal.”
XAVIER, Francisco Cândido. Vida e Sexo. Pelo espírito Emmanuel. Brasília: FEB.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.