Simpósio sobre Passes e Água Fluidificada, com Alírio Cerqueira

Simp_Passes_Agua
********************************************************************************************************
Simpósio sobre Passes e Água Fluidificada, com Alírio Cerqueira
Quando: sábado, 27 de fevereiro 2016, das 14 às 18h00 e domingo, 28 de fevereiro 2016, das 08h30 às 12h30.

Onde: Auditório Lírio Ferreira da FEP. Como chegar
———————————————————————————————–
PROGRAMAÇÃO

Sábado, 27/02/2016

09h00 às 10h00 – Palestra Pública na FEP (Tema sugerido pelo expositor).

14h00 às 18h00 – Simpósio – Fluidoterapia Espírita – Passes e Água Fluidificada (1ªparte).
Expositor: Alírio de Cerqueira Filho (MT).
OBS.: O expositor responderá perguntas do Público.

19h30 às 20h30 – Palestra Pública na Fraternidade Espírita Missionários da Luz (Olinda).
(Tema sugerido pelo expositor).

Domingo, 28/02/2016

08h30-12h30 – Simpósio – Fluidoterapia Espírita – Passes e Água Fluidificada (2ªparte).
Expositor: Alírio de Cerqueira Filho (MT).
OBS.: O expositor responderá perguntas do Público.

———————————————————————————————–
Adquira seu ingresso, ao preço de R$10,00 (Dez Reais) na Livraria da FEP e solicite a Programação do evento.

Livraria da FEP – Fone(81) 3241-2157 ramal 25 – Horário de Atendimento:
Domingos: 13 às 18h00
Segundas: 12 às 18h00
Terças: 12 às 21h00
Quartas: 12 às 21h00
Sextas: 12 às 21h00
Sábados: 08 às 14h00
********************************************************************************************************
Simpósio sobre Passes e Água Fluidificada, com Alírio Cerqueira
A FEP – Federação Espírita Pernambucana promove em parceria com a Fraternidade Espírita Missionários da Luz – Jardim Atlântico – Olinda, Simpósio sobre Passes e Água Fluidificada, com o expositor espírita e autor de várias obras divulgadoras do Espiritismo Alírio Cerqueira, de Mato Grosso – MT. Alírio de Cerqueira Filho é vice presidente da FEMT – Federação Espírita do Mato Grosso e organizador do Projeto Espiritizar.

Quando: sábado, 27 de fevereiro 2016, das 14 às 18h00 e domingo, 28 de fevereiro 2016, das 08h30 às 12h30.

Onde: Auditório Lírio Ferreira da FEP. Como chegar

Acesse a programação no endereço: Programação

Os ingressos custam R$10,00 e estarão à venda na FEP a partir de sábado, dia 09/01/2016, na Livraria. Vagas limitadas.

Informações pelo e-mail: decom@fepernambucana.org

O simpósio é baseado em livro homônimo de Alírio Cerqueira e que compõe o Projeto Espiritizar. O Projeto Espiritizar faz parte da Federação Espírita do Estado de Mato Grosso e tem como objetivo desenvolver a tríade proposta pela Mentora Joanna de Ângelis ao Movimento Espírita, pela mediunidade de Divaldo Franco, na qual a querida Mentora solicita ao movimento espírita trabalhar a tríade Qualificar, Humanizar e Espiritizar.

Mais informações: www.espiritizar.org

11 comentários em “Simpósio sobre Passes e Água Fluidificada, com Alírio Cerqueira

  • sábado, 23/01/2016 em 00:44
    Permalink

    Oportunidade impar;capacitação muito importante.

    Resposta
    • segunda-feira, 25/01/2016 em 01:51
      Permalink

      Prezada Maria do Socorro, votos de Paz! Obrigada pelo contato e estamos sempre à disposição.


      Fraternalmente.
      Ednar Santos – Diretora de Comunicação – DECOM/FEP

      Resposta
  • quarta-feira, 27/01/2016 em 23:25
    Permalink

    Bom Dia

    Gostaria de saber se tem livro para vender ainda.

    Atenciosamente

    Resposta
    • quinta-feira, 28/01/2016 em 11:39
      Permalink

      Bom dia, Luce!

      Ligue para o número 3241-2157 e peça o ramal 25 da livraria da FEP para que lhe informem a respeito. Lembro-lhe que às quintas-feiras não há atendimento ao público e que amanhã, a livraria começa a funcionar a partir das 13h00. Esperamos tê-la ajudado e agradecemos o contato.

      Fraternalmente.
      Ednar Santos – Diretora de Comunicação – DECOM/FEP

      Resposta
  • sexta-feira, 12/02/2016 em 11:31
    Permalink

    Estamos em Campina Grande/PB e gostaria de levar alguns trabalhadores de nossa Casa do Caminho, como podemos garantir vagas?

    Resposta
    • sábado, 13/02/2016 em 00:53
      Permalink

      Prezado Everton, Votos de Paz!

      Acreditamos que os ingressos já se tenham esgotado, pois já começamos a venda desde dezembro 2015. De qualquer forma, dê uma ligadinha para a livraria da FEP, no fone – 3241-2157, ramal 25 e se informe. O horário no sábado é das 08 às 12h00.

      Esperamos tê-lo ajudado e agradecemos o contato.

      Fraternalmente.
      Ednar Santos – Departamento de Comunicação Social Espírita – Decom/FEP – Recife – PE

      Resposta
  • domingo, 28/02/2016 em 14:45
    Permalink

    Acredito quem esteve presente ontem e hoje acompanhando o Simpósio Fluidoterapia Espírita – Passes e Água Fluidificada com Alírio de Cerqueira Filho, presenciou fatos, em que o MAGNETISMO NÃO FAZ PARTE DA DOUTRINA ESPÍRITA, chocando e indo ao contrário em que o nosso grande FILÓSOFO, CIENTISTA, MAGNETIZADOR (ESTUDOU O MAGNETISMO POR APROXIMADAMENTE 35 ANOS) ENTRE OUTROS ASPECTOS MORAIS DO NOSSO GRANDE CODIFICADOR, FORA INÚMERAS E OUTRAS SUPOSIÇÕES QUE FOI MOSTRADA PELO PALESTRANTE; O PASSE NÃO NECESSITA DE TÉCNICAS, APENAS A IMPOSIÇÃO DAS MÃOS NA CABEÇA, ONDE NOS PRÓPRIOS TEXTOS MOSTRADOS POR ELE MESMO, DE ANDRÉ LUIZ, VAI AO CONTRARIO NO QUE ELE DIZ. VEJAMOS…

    NOS DOMÍNIOS DA MEDIUNIDADE:

    Conrado, impondo a destra sobre a fronte da médium, comunicou-lhe radiosa corrente de forças e inspirou-a a movimentar as mãos sobre a doente, desde a cabeça até o fígado enfermo.

    No movimento Espírita Brasileiro, aderiu-se o nome Passe, o conhecido tratamento de doação de fluidos humanos e espirituais. Se formos com o intuito de pesquisar ”PASSE” em qualquer obra escrita por Allan Kardec, não haverá sucesso. Encontraremos ”MAGNETISMO, MAGNETIZADOR, ÁGUA MAGNETIZADA, onde o nosso grande Cientista e Filósofo Allan Kardec aborda muito bem junto com o esclarecimento do Mundo Espiritual esta ciência que se uniu ao Espiritismo ou podemos dizer que forma uma única. Desta forma o nome Magnetismo tornou-se desconhecido para muitos Espíritas e muito pouco estudado, fazendo-se perder a sua profundidade e finalidade que esta ciência possui na Doutrina Espírita.

    O Espiritismo e o Magnetismo formam uma única ciência.

    “O espiritismo e o magnetismo nos dão a chave de uma imensidade de fenômenos sobre os quais a ignorância teceu um sem número de fábulas, em que os fatos se apresentam exagerados pela imaginação. O conhecimento lúcido dessas duas ciências que, a bem dizer, formam uma única, mostrando a realidade das coisas e suas verdadeiras causas, constitui o melhor preservativo contra as ideias supersticiosas, por que revela o que é possível e o que é impossível, o que está nas leis da Natureza e o que não passa de ridícula crendice” (Allan Kardec, O livro dos Espíritos, 77 ed., Perg 555)

    CAPÍTULO VIII – LABORATÓRIO DO MUNDO INVISÍVEL – LIVRO DOS MÉDIUNS

    O Espírito agente é o do magnetizador, ”na maioria das vezes assistido por um Espírito desencarnado”. Ele opera uma transmutação por meio do fluido magnético que, como já dissemos,é a substância que mais se aproxima da matéria cósmica ou elemento universal.
    ”E se ele pode produzir uma modificação nas propriedades da água, pode igualmente fazê-lo no tocante aos fluidos orgânicos, do que resulta o efeito curativo da ação magnética convenientemente dirigida”.

    A vontade é atributo do Espírito encarnado. Daí o poder do magnetizador,que sabemos estar na razão da ”força da vontade”. O Espírito encarnado pode agir sobre a matéria elementar e portanto modificar as propriedades das coisas dentro de certos limites. Assim se explica a faculdade de curar pelo contacto e a imposição das mãos,que algumas pessoas possuem num elevado grau. (Ver no capítulo sobre os Médiuns o tópico referente a médiuns curadores. Ver ainda na Revista Espírita, nº de julho de 1859, os artigos. O Zuavo de Magenta e Um Oficial do Exército da Itália).

    CAPÍTULO XIV – SEGUNDA PARTE – DOS MÉDIUNS – MÉDIUNS CURADORES

    2. Entretanto, o médium é um intermediário entre os Espíritos e os homens, mas o magnetizador, tirando sua força de si mesmo não parece servir de intermediário a nenhuma potência estranha?
    — É uma suposição errônea. A força magnética pertence ao homem, mas é aumentada pela ajuda dos Espíritos a que ele apela. Se magnetizares para curar, por exemplo, e evocas um bom Espírito que se interessa por ti e pelo doente, ele aumenta a tua força e a tua vontade, dirige os teus fluidos e lhes dá as qualidades necessárias.(17)
    3. Há, porém, excelentes magnetizadores que não acreditam nos Espíritos?
    — Pensas então que os Espíritos só agem sobre os que crêem neles? Os que magnetizam para o bem são auxiliados pelos Espíritos bons. Todo homem que aspira ao bem os chama sem o perceber, da mesma maneira que, pelo desejo do mal e pelas más intenções chamará os maus.
    4. O magnetizador que acreditasse na intervenção dos Espíritos agiria com maior eficiência?
    — Faria coisas que seriam consideradas milagres.
    5. Algumas pessoas têm realmente o dom de curar por simples toques, sem o emprego dos passes magnéticos?
    — Seguramente. Não tens tantos exemplos?
    6. Nesses casos trata-se de ação magnética ou somente de influência dos Espíritos?
    — Uma e outra. Essas pessoas são verdadeiros médiuns, pois agem sob a influência dos Espíritos, mas isso não quer dizer que sejam médiuns escreventes, como o entendes.

    “O Evangelho Segundo o Espiritismo”

    A Fé Divina e a Fé Humana

    Um Espírito Protetor

    Paris,1863

    O magnetismo é uma das maiores provas do poder da fé, quando posta em ação. É pela fé que ele cura e produz esses fenômenos estranhos que, antigamente, foram qualificados de milagres.

    Eu vos repito: a fé é humana e divina. Se todas as criaturas encarnadas estivessem suficientemente persuadidas da força que trazem consigo, e se quisessem por a sua vontade a serviço dessa força, seriam capazes de realizar o que até hoje chamais de prodígios, e que é simplesmente o desenvolvimento das faculdades humanas.

    “Obras Póstumas ”

    Discurso Pronunciado no Túmulo de Allan Kardec por Camille Flammarion

    Depois dessa primeira obra, apareceram sucessivamente O Livro dos Médiuns, ou Espiritismo experimental, O Que é o Espiritismo ou resumo sob a forma de perguntas e respostas, O Evangelho segundo o Espiritismo, O Céu e o Inferno e A Gênese. A morte surpreendeu-o no instante em que, infatigavelmente ativo, trabalhava numa obra sobre a relação do”” magnetismo com o Espiritismo”””.

    Resposta
    • segunda-feira, 29/02/2016 em 00:24
      Permalink

      Prezado Diego, votos de Paz! Em respeito ao seu posicionamento e em respeito ao expositor, não o vi falando que o Magnetismo não faça parte do Espiritismo. Se dissesse isso, estaria, realmente, contrariando tudo o que falou e as teses do Codificador.

      Entendi que ele falou não ser necessário ao aplicador de passes saber as técnicas em profundidade, haja vista ser ele apenas o instrumento da Espiritualidade Superior para a transmissão dos fluidos espirituais, daí ser necessário, fundamentalmente, a compaixão, a fé e a boa vontade.

      Reveja seus apontamentos e verifique que o tempo inteiro, o expositor baseou-se no pensamento dos Espíritos, no que diz respeito ao uso correto do magnetismo no sentido moral, e desmistificaram a prática da formalidade, das práticas exteriores as quais se referia nosso Mestre Jesus que, lamentavelmente é o que ocorre com muitos companheiros que realizam a tarefa do passe.

      Agradecemos o seu contato.

      Fraternalmente.
      Ednar Santos – Comunicação Social – DECOM/FEP

      Resposta
  • segunda-feira, 29/02/2016 em 15:06
    Permalink

    Ednar José dos Santos, boa tarde!!!

    Sabemos que muitas casas que se dizem Espíritas, pela falta de preparo e estudo, acabam distorcendo e inventando novos costumes para a aplicação do Passe, causando inúmeros prejuízos para a Doutrina Espírita.

    Técnicas como dispersivos e calmantes,vestimenta simples e adequada, acompanhamento com o Atendimento Fraterno, onde com o auxilio da Espiritualidade Maior da casa, nos orienta quantidade de passes de Camera (Deitado em uma Maca)e cabines de passes (sentado em uma cadeira). O palestrante Alirio de Cerqueira, deixou bem claro que não nos cabe realizar, essa tarefa é dos Espíritos e não nossa, apenas devemos impor as mãos na cabeça do paciente com a compaixão, a fé e a boa vontade, e tipos e quantidades de passes não é necessário.

    As informações colocadas pelo o expositor Alirio de Cerqueira Filho, precisam serem mais analisadas e compreendidas por ele mesmo, pois em nenhum momento nas Obras de André Luiz, a espiritualidade maior se posicionou da forma como ele interpretou.

    ”Todas essas informações, não só chocou a mim e sim a muitos”!

    Se formos seguir as Recomendações do Alirio Cerqueira, devem primeiramente Retirar muitos Livros na Livraria da FEP, sobre magnetismo e passes baseados e seguidos fielmente pelas OBRAS DE ALLAN KARDEC.

    ABRAÇOS!!!!

    Resposta
    • terça-feira, 01/03/2016 em 13:37
      Permalink

      Prezado Diego, votos de Paz! Penso que no momento o que existe é a necessidade de entendimento. Podemos conversar, pessoalmente, ao invés de nos expormos aos demais nesse ping pong desnecessário. Estamos à sua disposição para o diálogo fraterno, saída correta em momentos de impasse.

      Agradecemos o seu contato.

      Fraternalmente.
      Ednar Santos – Comunicação Social – DECOM/FEP

      Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *